SANTA CARATINA APROVA LEI DE INCENTIVO AO CICLISMO DE MONTANHA

SANTA CARATINA APROVA LEI DE INCENTIVO AO CICLISMO DE MONTANHA

O governo de Santa Catarina aprovou em 05/07 a Lei 18.155/2021 criando o Programa Estadual de Incentivo ao Ciclismo de Montanha visando  a utilização sustentável de trilhas localizadas em áreas públicas e parques estaduais.

A competência, para levar adiante o projeto, segundo a lei, será do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina – IMA – que terá a responsabilidade de elaborar, em conjunto com associações da área, a regulamento e os estudos necessários para a demarcação geográfica, sinalização, implantação e manutenção dos circuitos internos de trilhas para ciclismo nos parques e encostas das montanhas catarinenses.

O IMA deverá firmar parcerias com as associações representativas e disponibilizar palestras e materiais didáticos, objetivando à educação ambiental dos participantes dos circuitos.  Para as comunidades locais será uma oportunidade de novos negócios em uma região com grande potencial turístico e que tem se tornado atrativa para pessoas que utilizam a bicicleta para turismo.

A nova lei fortalece outras atividades de turismo em bicicleta no Estado como os já tradicionais circuitos de cicloturismo catarinense como o da Costa Verde e Mar, das Araucárias e o mais famoso e visitado o Circuito do Vale Europeu.

Ações governamentais de incentivo ao cicloturismo vem ganhando destaque por meio de leis estaduais ou municipais, no mesmo caminho adotado pelos catarinenses, está o Paraná com leis de apoio  tanto ao Cicloturismo como  na criação de Circuitos específicos para o desenvolvimento da atividade ou de algumas cidades mineiras do quadrilátero do aço com a implantação do projeto Estação Mountain Bike.

(Fonte: Casa Civil-SC / Mundo Bici)

Admin

07 Julho 2021

Mobilidade

Comentários

Destaque

Nova propaganda institucional da Toyota sob o lema de inspirar as pessoas a superar limites, a cruzar a linha de chegada e conquistar o impossível, remete aos sonhos de um garoto italiano dos anos 70. A bicicleta e o ciclismo são pano de fundo de uma campanha de parceria Mundial de Mobilidade com o COI e o Comitê Paraolímpico